Under the Moonlight

Outra longa jornada para fazer mais um quilt autoral OQS

E você?
Quer conhecer tudo sobre o Under the Moonlight?

Então vem!!

A peça tem medidas de 1,65 x 2,10m e entra na categoria de Bed ou Large Quilts.

E claro que algo dessas proporções leva muito, muito tempo para ser feita…
Para nós, foram 37 dias só com o trabalho na máquina!!
E dias de quilting de concurso duram umas 10h de máquina bombando, então faz as contas e se liga nas 370 horas de quilting no Under the Moonlight.
Mas sabe o mais incrível?
Foram 41 dias só para fazer o acabamento!! :O

Depois dos mais de mil arremates de um outro quilt nosso, o The Navigator’s Star, a gente desistiu de contar arremates risos, mas ele era um Wall Quilt, então dá para imaginar que fizemos mais de dois mil arremates tranquilamente…

Nós começamos essa peça em dezembro de 2017 e só terminamos em abril de 2018. Foi um looongo caminho…

Mas ficamos muito felizes com o resultado:
experimentamos misturas de técnicas, acabamentos diferentes e muita troca de linha.

E temos que admitir: todo esse trabalho foi bem “pago” porque a AQS (American Quilter’s Society) gostou tanto da peça que pediu autorização para usá-la em divulgações de marketing. Olha só:

Então que tal vermos um pouco mais do processo?

Para começar, nós fizemos trapunto em algumas áreas.
Foi um dia inteiro só para nós duas cortarmos o excesso de manta.

Depois, foi só começar os eternos dias de quilting e ir vendo o Under the Moonlight se formar pouco a pouco…

E lembra dos milhares de arremates?
Olha um pouco a chuva de arremate em cima do Xavier:

Pois é, a gente senta nesse banquinho que o Xavier roubou da gente.
Há ainda a “lenda” de que só se quilta nessas máquinas profissionais móveis sobre trilhos (que, aqui no Brasil, chamamos apenas de “longarm”) se a quilter estiver de pé!!
Mas isso é um grande absurdo! E uma mentira.
Então olha a gente quiltando sen-ta-da e ainda com a Baleia no colo:

Ãham. É possível.
E aqui a Baleia também roubando nosso banquinho…

E, enfim, outras técnicas que usamos nessa peça, além do trapunto, foi o Thread Painting:

Também fizemos quilting livre, quilting com régua, microquilting, boutis, acabamento trabalhado…
Ufa! Foi uma festa de alegria!

Mas essa peça não é tradicional e pretende a levar a wholecloth a outras dimensões, com grande misturas de técnicas e cores.
E você gostou? Conte para gente!

Que tal compartilhar esse texto com outras pessoas que podem se apaixonar por quilting também?

WhatsApp
Facebook
Email

Quer aprender ainda mais sobre QUILTING e descobrir como você pode inserir mais beleza e arte na sua vida hoje mesmo?

Comece por essa SUPER aula gratuita, em que você vai aprender quais são os 07 passos certeiros para alcançar um quilting infalível – serve para qualquer máquina de costura!

Inscreva-se no Quilting 360º, um programa de aprendizado contínuo de quilting para você partir do zero e chegar no quilting extraordinário, com aulas ao vivo, embasamento técnico e muitoooooo mais

8 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pesquisar

Artigos Populares

Fique atualizada

Entre para nossa lista VIP

Cadastre seu email na nossa lista VIP para receber novidades, dicas e muito mais…

Outro artigos que você vai amar :)