Concurso de quilts: a hierarquia dos prêmios internacionais!

O prêmio que ganhamos em Spring Paducah foi uma honra imensa!

E você vai entender o que ele significa e vai aprender um monte de expressões utilizadas em um concurso de quilts!

Com toda a felicidade de ganhar um prêmio dessa magnitude, nós recebemos muitas congratulações!

E nosso faro de professoras está sempre ativado, então detectamos que muitas pessoas não entendem muito bem a hierarquia dos concursos (tanto nacionais quanto internacionais!)
E, sinceramente, a gente também teve que sentar e prestar um atenção para entender!

Gostamos de explicar definições técnicas e coisas que as pessoas costumam se confundir:
já explicamos, por exemplo, a diferença entre quilt e quilting aqui!

E cumprindo nossa promessa, hoje vamos explicar o que significa cada prêmio dos concursos que participamos!

Antes, vamos começar com uma expressão que é bem confusa aqui no Brasil: Quilt Show.

Um Quilt Show não é necessariamente um concurso de quilts.
A tradução de “quilt show” é “exibição de quilts” ou seja, é uma exposição, uma mostra.
Mas não é obrigatório ter uma competição para eleger os melhores!

Muitas vezes, concursos fazem uma mostra dos concorrentes e achamos que é por isso que existe essa confusão aqui!
Mas não se engane: nem todo quilt show é um concurso de quilts!

Agora que você já sabe que participamos de concursos e da mostra dos concorrentes de concursos,
vamos ao que interessa: os prêmios!

concurso de quilts vencedores premiado quilt show

Encarando bem a imagem já dá para ter uma boa ideia, mas vocês sabem, né?!
A gente vai explicar tim-tim por tim-tim!

Vamos debaixo para cima, que é mais fácil para entender!

Abaixo da pirâmide ficam os trabalhos inscritos, aqui no Brasil é comum os inscritos já participarem da exposição.
Mas nos concursos internacionais que a gente participa não é bem assim não!

Você inscreve o trabalho com uma foto, mas isso não significa que você vai estar lá na exposição, pois para isso o seu trabalho tem que ser selecionado.

Se o seu trabalho for selecionado, aí sim ele vira um semifinalista.
Os semifinalistas vão participar da exposição, mas não significa que vão ser premiados. Significa que eles vão ter a chance de concorrer.
Para nós, ser semifinalista em concursos da AQS por exemplo já é um prêmio.
Porque ele já é selecionado para ir para a exposição.

Mas isso é como a gente se sente, pois, de fato, um semifinalista não é um finalista.
Nosso trabalho semifinalista é o In The Deep Night.

Se o seu trabalho for premiado, aí sim ele será um verdadeiro finalista.

Um trabalho finalista em um concurso de quilts como esse é um daqueles trabalhos que ganha uma roseta.

A primeira roseta (ou “ribbon” em inglês) é a de menção honrosa.
Ganhar uma roseta de menção honrosa significa que o seu trabalho se destacou na categoria. Ele tem potencial e é considerado “acima” dos semifinalistas.

Acima da menção honrosa está o 3° lugar.
Isso não tem muito o que explicar, né?!
É a “medalha de bronze” dos concursos de quilts.
Só é importante destacar que tanto a menção honrosa, quanto o 1°, 2° e 3° lugar são colocações que seu trabalho alcança dentro da categoria em que você o inscreveu.

Acima do terceiro lugar, vem o 2°lugar.
Ganhar um lugar como esse é especial pra quem faz apenas quilting, como a gente.
Isso porque na maioria dos concursos não existe uma categoria separada para esse tipo de trabalho, então nossa wholecloth (nos próximos dias, vamos explicar o que é uma wholecloth) acaba competindo com peças feitas de patchwork e que tem aplicações e todas as outras coisas lindas que existem.
Foi por isso que quando nosso primeiro trabalho, o Vine Jade’s Garden, ganhou essa colocação a gente quase infartou! E também com o Pegasus’ Mandala, em um concurso da AQS!

E então, acima do segundo lugar vem o 1° lugar.
O trabalho que levar esse prêmio é o vencedor da categoria. Ele é o mais bonito, ou bem feito, ou ambos, dentro da categoria em que foi inscrito.

Aí você pensa: “Mas então onde está o prêmio que o Navigator’s ganhou agora em Paducah?”.

Bom, esse concursos são realmente bem pensados!

Eles tem uma categoria especial, um lugar para os trabalhos que estão “acima das categorias convencionais”. É a categoria dos melhores do show.

Se o seu trabalho ganhar um prêmio na categoria melhore do show, significa que ele está em outro nível.
Ele faz parte dos melhores e vai representar a categoria original em que você o inscreveu como supra-sumo dessa categoria.
O The Navigator’s Star ganhou nessa categoria, isso significa que de todos os wall quilts (painéis de parede) quiltados em máquina móvel ele foi eleito o melhor.

Mas se você acha que essa é a mais alta condecoração, não se engane. Ela é, sim, uma mega condecoração, mas a roseta mais desejada, mais incrível e mais emocionante é a roseta de Melhor dos Melhores!

O prêmio de melhor dos melhores significa que não só o seu trabalho está entre os melhores, como dentre eles o seu ainda é o melhor de todos!
Assim: a cereja do bolo, a última bolacha do pacote, esse nível!

Além de todas essas rosetas, também existem algumas premiações especiais de trabalhos que se destacam!

O prêmio da escolha do juiz é muito interessante: cada um dos juízes do concurso escolhe o seu trabalho preferido. Como os juízes desses concursos são peritos em quilts, é uma honra chamar a atenção de um deles!

Há também o preferido do júri que é um prêmio concedido ao quilt que tiver mais votos dos visitantes do evento. É um prêmio super legal também, pois significa que todo mundo (ou a maioria) amou seu trabalho!

Também são comuns desafios competitivos (ou “challenge“), em que é estabelecido um tema e todos os trabalhos tem que se relacionar com o tema de alguma maneira.

O universo de concurso de quilts é imenso.

Contamos pra vocês nesse post um pouco sobre a lógica de premiação dos concursos da American Quilter’s Society, que é referência para muitos outros concursos!

Você achou que deu pra entender?! Conte pra gente aqui nos comentários!

por Aline Bugarin e Natasha Bugarin
– equipe OQS

Que tal compartilhar esse texto com outras pessoas que podem se apaixonar por quilting também?

WhatsApp
Facebook
Email

Quer aprender ainda mais sobre QUILTING e descobrir como você pode inserir mais beleza e arte na sua vida hoje mesmo?

Comece por essa SUPER aula gratuita, em que você vai aprender quais são os 07 passos certeiros para alcançar um quilting infalível – serve para qualquer máquina de costura!

Inscreva-se no Quilting 360º, um programa de aprendizado contínuo de quilting para você partir do zero e chegar no quilting extraordinário, com aulas ao vivo, embasamento técnico e muitoooooo mais

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pesquisar

Artigos Populares

Fique atualizada

Entre para nossa lista VIP

Cadastre seu email na nossa lista VIP para receber novidades, dicas e muito mais…

Outro artigos que você vai amar :)